Business Continuity

Cada vez mais as empresas tem se preocupado em proteger seus dados em um outro ambiente fora do seu proprio Datacenter, seja com um backup remoto ou até mesmo um complexo ambiente de DR capaz de assumir o ambiente de produção em poucos minutos. Diante desse cenário promissor a Symantec possui uma ferramenta de replicação capaz de atender diversas necessidades das empresas e é justamente neste aspecto de atender diversas necessidades que estarei mostrando alguns cenários práticos da utilização da solução de replicação da Symantec, neste caso o Volume Replicator.

O Symantec volume replicator é uma feature do storage foundation com o objetivo de replicar dados sob a plataforma veritas de um lugar para outro. Esta replicação é feita por blocos alterados, o que melhora muito a sua performance, principalmente quando temos grandes volumetrias.

O volume replicator se destaca em diversas frentes comparados as demais soluções de mercado, sejam elas via software ou até mesmo via hardware como por ex.

  • Replicação Sincrona / Assincrona - Muitas soluções de mercado hoje prometem uma replicação integra, entretanto, poucas consegue realmente entregar uma replicação "up-to-date" assim como Volume replicator

 

  • Replicação entre arquiteturas - Fazendo uso da possibilidade do Veritas Storage Foundation de migrar dados entre plataformas diferentes, o Volume replicator consegue se beneficiar desta feature possibilitando replicar ambientes entre arquiteturas diferentes, AIX-Linux, HPUX-Solaris, por exemplo.

 

  • Firedrill / Snapshots - Visando garantir ainda mais a integridade do ambiente com o Volume replicator é possível efetuar uma simulação do DR com dados reais do ambiente de produção sem a necessidade de uma virada efetiva com a utilização de snapshots. Mais abaixo veremos todas as possíveis aplicabilidades desta técnica

 

Levando em consideração estas features apresentadas podemos sugerir a implementação do Volume replicator em diversos areas de negócio, segue abaixo algumas delas.

 

  • DR Convencional - Seria o carro chefe da solução, capaz de replicar grandes volumetrias de dados sem limite de distância em modos sincrono ou assincrono.

 

  •  DR entre arquiteturas diferentes - Com um plano de DR inovador é possível arquitetar uma solução de DR com baixo custo por exemplo um ambiente de produção com arquitetura SPARC e o seu DR num ambiente INTEL. Vale ressaltar que esta conversão de arquitetura em tempo de execução pode ser orquestrada pela propria ferramenta sem a necessidade de intervenção manual e sem aumento significativo do tempo de disponibilidade do ambiente

 

  •  Replicação para ambientes com D-1 - Um dos grandes problemas que as empresas atravessam hoje em dia é a centralização de diversas operações num unico servidor causando assim um aumento massivo da quantidade de IO, consequentemente aumentando a carga no storage e neste caso com grandes chances de impactar o ambiente de produção. Para melhorar esse cenário com a utilização do Volume Replicator + Snapshots é possível montar um ambiente com dados atuais que podem ser utilizados por diversas aplicações em um servidor alternativo sem a necessidade de movimentação de dados e sem impacto nenhum na produção

 

  • Centralização de backups em sites remotos - Diversas empresas possuem sites remotos com dados produtivos e um dos principais desafios é a centralização do backup dos mesmos, neste cenário o Volume replicator pode funcionar melhor do que uma solução de replicação dos backups, pois é sabido que na grande maioria das vezes o backup é executado uma vez ao dia, neste caso os dados podem ficar desatualizados no transcorrer do dia. Com o volume replicator  é possível centralizar todos os dados de diversos sites remotos num unico ponto com o objetivo de centralizar o backup assim como reter todas as informações das empresas num unico lugar